Dicas e Roteiros de Viagem pela Lituânia

República da Lituânia está localizada no norte da Europa Oriental, em uma região conhecida como Báltico. Faz fronteira ao norte com a Letônia, ao leste com Belarus, ao sul com a Polônia e ao sudoeste com um pequeno território da Rússia (em breve), estando bem próxima à Suécia (em breve) e Dinamarca (em breve). Possui uma população próxima a 3 milhões de habitantes, sendo mais de 500 mil em Vilnius, capital e cidade mais populosa desse pequeno país.

A região da atual Lituânia tem relato de ocupações que datam de quase 10 mil anos. Contudo, foi apenas no início do século XIII que houve a formação de um enorme e poderoso país de grande extensão para áreas hoje ocupadas pela Rússia, Polônia, Ucrânia e Belarus. Com a expansão, a nobreza lituana uniu-se à polonesa, culminando com a formação, em 1569, da Commonwealth Polonesa-Lituana, garantindo a preservação das culturas de cada uma das partes.

No entanto, pouco mais de 100 anos depois, uma sucessão de guerras com a Suécia e Rússia devastou o país, que passou a ter sua maior parte anexada ao Império Russo, em um regime ditatorial, que durou até a independência do país em 1918, com o fim da 1ª Guerra Mundial. O período de liberdade teve curta duração, com a ocupação de Vilnius pela Polônia e o golpe de Antanas Smetona que estabeleceu um regime nacionalista e autoritário. No entanto, com o início da 2ª Guerra Mundial, o país foi ocupado pela União Soviética em 1940, seguida dos nazistas e, novamente, pelos soviéticos, que a transformaram na República Socialista Soviética da Lituânia. Após quase 50 anos de repressão e ditadura, a independência foi restaurada em 1991, com o fim da União Soviética.

Nesses pouco mais de 25 anos de independência, a Lituânia experimentou grande desenvolvimento econômico e social, tornando-se um país de alto Índice de Desenvolvimento Humano.

Mapa - LituaniaFonte: WorldMapFinder

A Lituânia faz parte da União Europeia (UE) desde 2004 e adotou como moeda o euro. Assim como nos demais países do bloco, não existe necessidade de visto para permanência menor do que 90 dias, nem vacinação obrigatória para brasileiros. Na gastronomia, destacam-se os pães de centeio, o čeburekai (muito parecido com nossos pastéis) e os pratos à base de batatas, como o kugelis (pudim de batata recheado de carne), o védarai (salsicha de batata) e o cepelinai (bolos de batata recheados com queijo ou carne). Uma das bebidas alcoólicas nacionais é o Krupnikas, um destilado licorado com centenas de anos de história!

idioma oficial é o lituano. No entanto, não se desespere, a maioria fala inglês! O fuso horário é de mais 5 horas em relação à Brasília, variando conforme o horário de verão. O clima oscila entre o marítimo e o continental, de acordo com a região. O inverno é frio (média de -4ºC), com neve e dias muito curtos, enquanto o verão apresenta temperatura amena (média de 16ºC) em longos e ensolarados dias.

Pelo pequeno tamanho e proximidade com a Rússia, Polônia, Estônia, Letônia e Finlândia, geralmente o roteiro inclui cidades dos demais países. Dessa forma, o deslocamento pode ser realizado de carro (alugue aqui), trem, ônibus ou avião, não existindo voos diretos a partir do Brasil.

Estivemos na Lituânia em agosto de 2017 em uma viagem muito especial desde a Rússia até a República Tcheca!

Precisa de orientação para montar um roteiro de viagem inesquecível pela Europa? Gostaria de visitar outros locais da Lituânia? Quer ajuda com reserva de hotéis, aluguel de carros, passagens de avião, ônibus ou trem? Visite nossa página de Roteiros Personalizados ou deixe sua mensagem abaixo.

Gostou do post? Compartilhe!

Thiago Carvalho

Carioca, casado, 30 anos, médico, amante da natureza e apaixonado por viagem, de Itaipava no fim de semana ao Bungee Jumping na Nova Zelândia. Volta de uma viagem com o roteiro pronto para a próxima.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Reprodução ou cópia não autorizada!