Fim de semana em Cape Reinga, Ninety-Mile Beach & Bay of Islands

Cape Reinga - Nova ZelandiaCape Reinga é o ponto mais ao norte da Ilha Norte da Nova Zelândia, localizado a pouco mais de 400km de distância de Auckland. Lá é possível deslumbrar a “linha” que se forma no encontro do Mar da Tasmânia (parte do Pacífico entre a Nova Zelândia e a Austrália) à esquerda com o próprio Pacífico a direita.

Para os maori – habitantes da ilha antes da chegada dos britânicos – esse local, chamado de Te Rerenga Wairua, é sagrado: é o lugar que espírito vai após a morte, antes de partir para sua “casa eterna”.

Existem inúmeras agências que fazem pacotes pela região a partir de Auckland, mas não há qualquer dificuldade em fazer o trajeto de carro (alugue aqui). Nesse caso sugiro apenas contratar o tour – explico abaixo como – pela imperdível Ninety-Mile Beach, pois o seguro das locadoras não cobre a passagem pela praia pelo risco de atolar, mesmo que em 4×4.

Como disse no post da Nova Zelândia, estava em intercâmbio, e fomos em um passeio organizado pela própria equipe do curso, saindo na tarde de sexta-feira e retornando no final do domingo. A saída de Auckland é super tranquila via State Highway 1 (SH1) até Kaitaia, tendo como alternativa pegar a SH10 no meio para um belo passeio pelo litoral.

A cidade é muito pequena e conta com poucas e simples opções de hospedagem. Na categoria B&B existe o Water’s Edge Bed and Breakfast e na motel (sem o significado normalmente usado no Brasil) o Loredo. Para o jantar, sugerimos o Beachcomber Restaurant (Facebook / TripAdvisor). Alguns optam por fazer o passeio a partir de Bay of Islands e usam como base Paihia, embora implique em sair 2h mais cedo e retornar 1h30min mais tarde no ônibus, sem a passagem pelas belas praias da SH10.

O passeio sai por volta de 9h e retorna 18h. Vale a dica de deixar reservado com alguma agência para fazer o trajeto pela Ninety-Mile Beach até Cape Reinga. Esse passeio é o ponto alto da viagem, pois são quase 100 km (diferente do que o nome sugere) de uma praia simplesmente intocada e com enorme variedade de paisagens e cores, culminando nas gigantescas dunas Te Paki, onde é possível desfrutar de caminhadas incríveis e um pouco de adrenalina no sandboard.

90-Mile-Beach - Nova Zelandia

90-Mile-Beach - Nova Zelandia

90-Mile-Beach - Nova Zelandia

Duna Te Paki - Nova Zelandia

Duna Te Paki - Nova Zelandia

Alguns quilômetros depois chegamos ao estacionamento, caminhamos 1km e já estávamos em Cape Reinga, com sua atmosfera mística e vistas sensacionais.

Cape Reinga - Nova Zelandia

Cape Reinga - Nova Zelandia

Cape Reinga - Nova Zelandia

Cape Reinga - Nova Zelandia

De volta a Kaitaia, é só retornar pela SH1 (ou SH10 pela costa) até Paihia.

Em Paihia, existem ótimas opções de hospedagem, como o Sea Spray Suites. A cidade é repleta de cafés, bares e restaurantes.

Depois de uma boa noite de descanso, o dia está livre para aproveitar as inúmeras opções de lazer na região. Quando fui, aproveitei para desbravar a baía de caiaque com os amigos. Foram paisagens deslumbrantes. Na época não tínhamos máquinas à prova d’água, então esses momentos estão apenas na memória. As reservas podem ser feitas com antecedência ou direto nas agências localizadas na rua principal. Seguem as sugestões:

  • Caminhar na orla e curtir os restaurantes e bares;
  • Passeio de barco pela baía com a quase garantia de ver golfinhos e baleias;
  • Passeio de caiaque pela baía;
  • Visita a Haruru Falls, localizada a 5km do centro de Paihia.
  • Mergulho com cilindro por navios naufragados.

Na volta para Auckland, de acordo com o horário, no lugar de retornar via SH1 (3h de viagem), fica a dica de pegar um ferry de Opua para Okiato e fazer a rota pela costa até Whangarei, aumentando o tempo em 1 hora, mas aproveitando paisagens espetaculares.

Gostou do roteiro e das dicas? Faça suas reservas pelas caixas de pesquisa na lateral, nos links ao longo do post ou clique para reservas de hospedagem no Booking ou aluguel de carros no RentalCars. Você não paga nada a mais por isso e nos ajuda a manter o site. Obrigado!


Precisa de orientação para montar um roteiro inesquecível pela Nova Zelândia? Quer ajuda em reservas de hotéis, passagens de avião ou aluguel de carros? Quer montar um roteiro 100% personalizado e tornar sua viagem inesquecível? Visite nossa página de Roteiros Personalizados ou deixe sua mensagem abaixo.

Gostou do post? Compartilhe!

Thiago Carvalho

Carioca, casado, 30 anos, médico, amante da natureza e apaixonado por viagem, de Itaipava no fim de semana ao Bungee Jumping na Nova Zelândia. Volta de uma viagem com o roteiro pronto para a próxima.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Reprodução ou cópia não autorizada!