Passeando por Brusque, com encantos além da consagrada produção têxtil

Conforme explicamos no post de Blumenau, Brusque é uma cidade próxima que vale a visita durante um passeio de mais de dois dias pela região. Com uma população de pouco mais de 130 mil habitantes, está localizada a apenas 40 km de distância. Colonizada por imigrantes alemães em meados do século XIX, tornou-se um dos maiores polos de produção têxtil do Brasil. No entanto, seus encantos vão além das lojas de roupas.

Qual a melhor época para ir em Brusque?

A cidade pode ser visitada durante o ano todo, mas o destaque fica para os períodos festivos, sobretudo outubro quando ocorre a Fenarreco, a maior festa da cidade com muita música alemã e gastronomia voltada para pratos à base de marreco. Uma delícia!

Quanto tempo ficar em Brusque?

Em um dia é possível conhecer os pontos turísticos principais da cidade que é justamente o que descreveremos ao longo do post. Saímos cedo de Blumenau e retornamos no final da tarde.

Como chegar em Brusque?

De Blumenau são apenas pouco mais de 50 minutos (40 km) pela BR-470 ou Rod. Jorge Lacerda. Existem excursões regulares para aqueles que estiverem sem carro. Se o ponto de partida for Florianópolis, uma alternativa é passar em Brusque antes de chegar à Blumenau ou no retorno para a capital catarinense.

Onde ficar em Brusque?

A maior parte dos turistas opta por ficar em Blumenau (veja nossas sugestões em “Blumenau, um pedacinho da Alemanha no sul do Brasil“) pela proximidade, maior número de atrações e hotéis. Foi o que fizemos quando estivemos na cidade.

O que fazer? Roteiro Diário!

Se a cidade de origem for Blumenau, sugerimos uma rápida passagem por Gaspar, no caminho para Brusque. O principal atrativo é a Igreja Matriz São Pedro Apóstolo, inaugurada em 1887 e remodelada em 1940 em estilo gótico, com duas torres que possuem 4 relógios cada. O interior se destaca pelos belos vitrais.

Igreja Matriz - Gaspar - Santa Catarina
Igreja Matriz - Gaspar - Santa Catarina

Sugerimos conhecer os pontos históricos antes de visitar as lojas de roupas. Portanto, siga até o ponto mais extremo da cidade para visitar o Santuário Nossa Senhora de Azambuja. Esse belo santuário surgiu como uma pequena capela edificada pelos colonos italianos chegados em 1876, em homenagem à Nossa Senhora de Caravaggio, que se tornou santuário em 1905. O atual templo foi concluído apenas em 1956.

Santuario de Nossa Senhora de Azambuja - Brusque - Santa Catarina
Santuário de Nossa Senhora de Azambuja
Santuario de Nossa Senhora de Azambuja - Brusque - Santa Catarina
Santuário de Nossa Senhora de Azambuja – interior

Ao lado esquerdo do templo está a Gruta de Lourdes, construída em 1928. Segundo a história, essa fonte de água motivou o local de construção da primeira capela e, diante dela, foi rezada a primeira Ave-Maria pelos imigrantes.

Gruta de Lourdes - Brusque - Santa Catarina

Atrás do templo há um pequeno caminho pelo Morro do Rosário que retrata, através de belas e conservadas esculturas de cimento, os 15 Mistérios do Rosário. Do topo, é possível contemplar uma bela vista!

Santuario de Nossa Senhora de Azambuja - Brusque - Santa Catarina
15 Mistérios do Rosário
Santuario de Nossa Senhora de Azambuja - Brusque - Santa Catarina
15 Mistérios do Rosário
Santuario de Nossa Senhora de Azambuja - Brusque - Santa Catarina
15 Mistérios do Rosário
Santuario de Nossa Senhora de Azambuja - Brusque - Santa Catarina
Vista do Morro do Rosário

Retorne para o centro e estacione em uma das transversais da Praça do Sesquicentenário, inaugurada para comemorar os 150 anos de Brusque. Em um dos lados da praça é possível encontrar os três poderes: a Prefeitura, a Câmara e o Fórum.

Praca Sesquincentenario - Brusque - Santa Catarina
Praça do Sesquicentenário
Praca Sesquincentenario - Brusque - Santa Catarina
Praça do Sesquicentenário – Os Três Poderes

A menos de 1 km de distância está localizada a moderna Igreja Matriz São Luis Gonzaga (Rua Padre Gattone, 75). A igreja original foi erguida em 1872, sendo substituída pela atual em 1954.

Igreja Matriz Sao Luiz Gonzaga - Brusque - Santa Catarina
Igreja Matriz Sao Luiz Gonzaga - Brusque - Santa Catarina

Siga para o Parque da Esculturas. Antes de chegar, vale uma parada na gigante Havan, uma excelente loja de departamento com os mais variados tipos de produtos com preços ótimos (de tapetes a calçados)!

Havan - Brusque - Santa Catarina
Havan - Brusque - Santa Catarina

O Parque das Esculturas, localizado a menos de 900 metros da Havan, é uma atração gratuita e imperdível da cidade. Com mais de 40 obras dispostas por um amplo gramado, assinadas por renomados artistas estrangeiros e brasileiros, como Niemeyer, o passeio é encantador.

Parque das Esculturas - Brusque - Santa Catarina
“O que está escondido?” – Pascale Archambault
Parque das Esculturas - Brusque - Santa Catarina
“Tortura Nunca Mais” – Oscar Niemeyer
Parque das Esculturas - Brusque - Santa Catarina
Parque das Esculturas

Brusque é um dos maiores pólos têxteis da América Latina e, portanto, faz parte do turismo uma parada na Feira de Moda (FIP) e no Stop Shop, localizados frente a frente na Rod. Antônio Heil. Com centenas de lojas de vestuário, são uma excelente opção para comprar roupas por um preço bem acessível. Obviamente, é necessário garimpar para obter um bom custo-benefício em termos de qualidade-preço.

FIP - Brusque - Santa Catarina
FIP
FIP - Brusque - Santa Catarina
FIP
Stop Shop - Brusque - Santa Catarina
Stop Shop
Stop Shop - Brusque - Santa Catarina
Stop Shop

Fenarreco

Felizmente tivemos a oportunidade de estar em Brusque durante a Fenarreco, a maior festa da cidade, que reúne música alemã semelhante à da Oktoberfest, muita cerveja e comida, mas com destaque para os pratos de marreco, típicos da região. Como estávamos hospedados em Blumenau, estivemos na hora do almoço e foi imperdível. Compramos souvenirs e almoçamos (muito bem!) ao som da agradável música germânica.

Para degustar o marreco fora do período da festa, nos recomendaram o tradicional Restaurante Schumacher, localizado a 10 km da cidade de Brusque, em Guabiruba (rua Brusque, 489). Outra sugestão local (sem marreco!), é a cervejaria Zehn Bier (rua Benjamin Constant, 26), que oferece degustação de cervejas, visitação à fábrica e algumas opções gastronômicas.

Fenarreco - Brusque - Santa Catarina
Fenarreco
Fenarreco - Brusque - Santa Catarina
Entrada da Fenarreco
Fenarreco - Brusque - Santa Catarina
Fenarreco
Fenarreco - Brusque - Santa Catarina
Banda Germânica
Fenarreco - Brusque - Santa Catarina
Buffet com as mais variadas iguarias regionais
Fenarreco - Brusque - Santa Catarina
Pratos Típicos: embutidos, joelho, marreco, repolho
Fenarreco - Brusque - Santa Catarina
Pratos Típicos: embutidos, spatzle, marreco, repolho roxo

Gostou do roteiro e das dicas? Faça suas reservas pelas caixas de pesquisa na lateral, nos links ao longo do post ou clique para reservas de hospedagem no Booking. Você não paga nada a mais por isso e nos ajuda a manter o site. Obrigado!

Silvia Carvalho

Carioca, casada, 32 anos, médica, sempre com uma máquina fotográfica na bolsa, apaixonada por viajar e degustar as comidas típicas locais.

4 Resultados

  1. marcos lino disse:

    meus parabens pela linda paizagem inesquecivel

  2. Waldenira Mendonca disse:

    Estou indo no final de março.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Alerta: Conteúdo Protegido!