Killarney, Kerry Ring e Blarney Castle: Um passeio por jardins, fortes e castelos na Irlanda

Conforme explicado no post sobre o Interior da Irlanda, após um dia maravilhoso passando por Sligo, Kylemore Abbey, Galway e Cliffs of Moher (veja aqui), chegamos na pequena cidade de Killarney, com uma população de 15 mil habitantes.

Como chegar em Killarney?
Se estiver de carro pelo interior da Irlanda, o mais comum será chegar de Galway, tendo passado pelos Cliffs of Moher, conforme descrevemos aqui. No entanto, se vier de Dublin, a viagem dura cerca de 3h30 pela M7 (300km) de carro ou 3h de trem.

Onde se hospedar em Killarney?
Existem várias opções de hotel dentro e fora do centro (veja todos aqui): nos hospedamos no Royal Hotel. Amamos! O atendimento foi excepcional e o quarto e banheiro eram imensos e super confortáveis. Outras sugestões bem centrais são Park Hotel, The Ross ou International Hotel. Se estiver procurando um hotel mais afastado para desfrutar de muito sossego e alto luxo, as alternativas são: The Lake HotelThe Europe Hotel & ResortLoch Lein Country House ou Muckross Park Hotel & Spa.

Infelizmente a maioria dos restaurantes estava fechada quando chegamos. Felizmente, encontramos o simples, mas saboroso Cronin’s Restaurant. Tomamos uma sopa de entrada para nos aquecer do frio e, em seguida, comemos uma carne e frango.

Restaurante - Killarney - Irlanda

Restaurante - Killarney - Irlanda

A cidade em si possui apenas um ponto turístico principal, a suntuosa St Mary’s Killarney Cathedral. Concluída em 1855 em estilo gótico, essa belíssima catedral de pedra possui vitrais trabalhados e uma ampla nave central. Vale a visita ao interior!

Cathedral - Killarney - IrlandaFachada

Cathedral - Killarney - IrlandaFachada

Cathedral - Killarney - IrlandaInterior

Cathedral - Killarney - IrlandaInterior

Visitamos no início da manhã e seguimos para os atrativos que ficam no entorno da cidade no chamado Ring of Kerry. Esse anel é formado por uma estrada circular de 180km no Condado de Kerry, no sudoeste da Irlanda. Existem inúmeras atrações ao longo desse trajeto e, por isso, muitos turistas optam por passar alguns dias na região para desbravar todos. No entanto, os principais e mais bonitos ficam nos primeiros 30km, justamente o trecho dentro do Killarney National Park. Optamos por fazer apenas esses para contemplar outras cidades que estavam no nosso cronograma.

Pegue a N71/Muckross Rd e vire à direita na Ross Rd, que termina no Ross Castle, nossa primeira parada. Esse castelo foi construído no século XV, às margens do Lago Leane. A vegetação que circunda o castelo e o próprio lago é linda!

Ross Castle - Killarney - Irlanda

Ross Castle - Killarney - Irlanda

Ross Castle - Killarney - Irlanda

Retorne para a N71 e siga até a Muckross House & Gardens. Originalmente construído em 1843 para servir de mansão à uma rica família, seu último dono doou ao governo irlandês em 1932. Este, por sua vez, transformou a propriedade no primeiro parque nacional da Irlanda, servindo como base para o atual Killarney National Park. A arquitetura da casa, que possui 65 quartos, é belíssima, mas a harmonia do lago, jardins e palacete é o que transforma essa paisagem em cinematográfica!

Muckross House - Kerry Ring - Irlanda Muckross House

Muckross Garden - Kerry Ring - IrlandaMuckross House

Muckross Garden - Kerry Ring - IrlandaMuckross Gardens

Muckross Garden - Kerry Ring - IrlandaMuckross Gardens com o lago Muckross

Muckross Garden - Kerry Ring - IrlandaCaminhando pela propriedade

Menos de 4km adiante, está a pequena trilha que leva à simples, mas bonita, Torc Waterfall. Aproveite a parada para contemplar a bela estrada cortando o Parque Nacional de Killarney.

Torc Waterfall - Kerry Ring - IrlandaTorc Waterfall

Estrada - Kerry Ring - IrlandaEstrada

Cerca de 9km à frente, fique atento ao mirante à sua direita para o Ladies’ View, que proporciona uma visão privilegiada do parque e dos lagos – uma verdadeira pintura!

Ladies View - Kerry Ring - Irlanda

Ladies View - Kerry Ring - Irlanda

Se desejar ver as praias, sugerimos contornar o anel até a cidade de Glenbeigh, passando por Waterville. Como dissemos, optamos por seguir para Kinsale, passando pela agradável cidade de Kenmare.

Kenmare - IrlandaKenmare

Estrada - IrlandaConstruções medievais no caminho

Esse desvio programado para visitar o Charles Fort nos tomou quase 1 hora mais o tempo de visitação. Teria valido a pena se não tivéssemos errado a fortaleza. Confundimos o caminho do Charles com o do James Fort, outra fortificação em Kinsale, do lado oposto do rio, mas em ruínas. O lugar é lindo, mas não se compara em tamanho e estrutura ao Charles Fort.

Fortress - Kinsale - IrlandaJames Fort

Fortress - Kinsale - IrlandaJames Fort

Quando percebemos o equívoco já era tarde demais para retornar e conhecer o outro. Por isso, terminamos a visita ao James e seguimos para o imperdível Blarney Castle, que já sabíamos que demandava bastante tempo para a visitação (em torno de 2 horas). Retornamos pela N71, seguida da N40 e N22 até a chegada ao castelo. Construído em 1210, sua torre atual data de 1446.

Blarney Castle - Irlanda

Blarney Castle - Irlanda

Blarney Castle - IrlandaAproximando-se da entrada

Blarney Castle - IrlandaVista do topo da torre

Na visita à torre, não deixe de passar na Blarney Stone, também conhecida como Pedra da Eloquência. A lenda diz que quem a beijar de cabeça para baixo receberá o dom da eloquência. É claro que a Silvia não perdeu a oportunidade!

Pedra da Eloquencia - Blarney Castle - Irlanda

Os jardins do castelo são belíssimos, com destaque para um jardim com plantas venenosas, um palacete e uma área para uma agradável caminhada chamada de Jardim da Bruxa.

Blarney Castle - IrlandaPalacete

Jardim da Bruxa - Blarney Castle - IrlandaJardim da Bruxa

Blarney Castle - IrlandaJardins

Plantas Venenosas - Blarney Castle - IrlandaPlantas Venenosas

Dica: Se vier de Cork, o trajeto é rápido pela Blarney Road ou pelo ônibus 215.

Chegamos por volta de 18h em Cork, completando 200km nesse segundo dia pelo interior da Irlanda em meio a parques, fortalezas, cachoeiras e castelos! Veja mais sobre Cork e nosso terceiro dia aqui.

Gostou do roteiro e das dicas? Faça suas reservas pelas caixas de pesquisa na lateral, nos links ao longo do post ou clique para reservas de hospedagem no Booking ou aluguel de carros no RentalCars. Você não paga nada a mais por isso e nos ajuda a manter o site. Obrigado!


Precisa de orientação para montar um roteiro inesquecível pela Irlanda? Quer ajuda em reservas de hotéis, aluguel de carros, passagens de avião, ônibus ou trem? Quer montar um roteiro 100% personalizado e tornar sua viagem inesquecível? Visite nossa página de Roteiros Personalizados ou deixe sua mensagem abaixo.

Gostou do post? Compartilhe!

Thiago Carvalho

Carioca, casado, 30 anos, médico, amante da natureza e apaixonado por viagem, de Itaipava no fim de semana ao Bungee Jumping na Nova Zelândia. Volta de uma viagem com o roteiro pronto para a próxima.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Reprodução ou cópia não autorizada!