Os mistérios de Stonehenge

Conforme explicado no post sobre a Inglaterra, após conhecer Bath, seguimos para Stonehenge, um local místico até hoje incompreendido pelo Homem, e considerado Patrimônio da Humanidade pela UNESCO desde 1986.

Acredita-se que a construção tenha ocorrido em três fases distintas. A primeira teve início em 3100 a.C., compreendendo uma grande depressão de quase 100 metros de diâmetro, uma estrutura de madeira e pedras perfeitamente alinhada com o Sol e a Lua. A segunda, quase mil anos depois, representou uma realocação e expansão, com o transporte das pedras azuladas, pesando até 4 toneladas, por dezenas de quilômetros até o centro. Na terceira e última, as pedras azuladas iniciais foram reorganizadas e o monumento ganhou o acréscimo dos megálitos com altura próxima a 6 metros e peso de quase 25 toneladas cada, transportados por 20 km, formando duas estruturas circulares – interna em forma de ferradura e externa circular.

A finalidade é ainda motivo de muita discussão, mas acredita-se que Stonehenge foi usado não apenas para funções religiosas com possíveis sacrifícios, rituais e sepultamento, mas também para observações astronômicas, voltadas, sobretudo, para o estudo e o desenvolvimento da agricultura, marcando os solstícios e equinócios, o que viabilizava os melhores momentos para plantação e colheita de acordo com as estações do ano. O alinhamento do eixo das pedras é preciso, garantindo a marcação de determinado período sazonal.

Como chegar em Stonehenge?
Existem três opções:

  • Carro (alugue aqui): ótima opção se estiver viajando pelo interior da Grã-Bretanha! A única dificuldade é a mão inglesa, sobretudo no início, mas nada que impossibilite. Alugamos o carro no aeroporto de Edimburgo para fazer a viagem por toda a Grã-Bretanha.
    • De Londres: 150 km pela A3.
    • De Bath: 50 km pela A36.
  • Excursão: agências locais de Bath e Londres oferecem excursões de bate e volta até Stonehenge.
  • Trem: ótima alternativa para um bate e volta a partir de Londres ou Bath, com duração de 2h30 e 1h, respectivamente, até a estação de Salisbury. Da estação, basta seguir por 30 minutos no ônibus Stonehenge Tour (veja aqui).

Qual o horário de funcionamento e o custo da entrada para visitar Stonehenge?
Para informações atualizadas, verifique o site oficial.

Nosso Passeio para Stonehenge
Saímos de Bath no final da manhã em direção a Stonehenge. O trajeto de pouco mais de 50 km foi facilmente percorrido de carro e é bem sinalizado. No local existe um amplo estacionamento, próximo ao centro de visitantes, onde é adquirida a entrada. O deslocamento até o monumento pode ser feito a pé ou de ônibus (incluso), com duração de 10 minutos. Pegamos o ônibus e percorremos o caminho que rodeia as pedras. Existem algumas explicações interessantes ao longo do trajeto. Não deixe de levar capa ou guarda-chuva e casaco corta-vento, pois a região é totalmente aberta e sem qualquer abrigo! Reserve pelo menos 2 horas para a visitação completa.

Assim como nos templos incas no Peru, ficamos maravilhados e perplexos ao refletir sobre a capacidade daquela civilização em construir um modelo tão perfeito de observação astronômica e em transportar e dispor pedras gigantescas e pesadas sem qualquer conhecimento ou aparato não apenas moderno, como rústico, uma vez que ocorreu há mais de 5 mil anos. Incrível!

Observação: As fotos tiram um pouco da perspectiva de tamanho, mas basta lembrar que as pedras possuem em média 3 vezes o tamanho de um adulto, como é possível observar no canto direito da segunda foto abaixo!

Stonehenge - Inglaterra

Stonehenge - Inglaterra

Stonehenge - Inglaterra

Stonehenge - Inglaterra

Continuamos a viagem para devolver o carro em Londres, mas antes fizemos uma breve parada em Oxford (veja aqui).

Gostou do roteiro e das dicas? Faça suas reservas pelas caixas de pesquisa na lateral, nos links ao longo do post ou clique para reservas de hospedagem no Booking ou aluguel de carros no RentalCars. Você não paga nada a mais por isso e nos ajuda a manter o site. Obrigado!


Precisa de orientação para montar um roteiro inesquecível pela Inglaterra (ou Reino Unido)? Quer ajuda em reservas de hotéis, aluguel de carros, passagens de avião, ônibus ou trem? Quer montar um roteiro 100% personalizado e tornar sua viagem inesquecível? Visite nossa página de Roteiros Personalizados ou deixe sua mensagem abaixo.

Gostou do post? Compartilhe!

Thiago Carvalho

Carioca, casado, 30 anos, médico, amante da natureza e apaixonado por viagem, de Itaipava no fim de semana ao Bungee Jumping na Nova Zelândia. Volta de uma viagem com o roteiro pronto para a próxima.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Reprodução ou cópia não autorizada!