Dicas e Roteiros de Viagem pela Dinamarca

Reino da Dinamarca está localizado no Norte da Europa, em uma região conhecida como Escandinávia. Faz fronteira ao sul com a Alemanha e ao norte encontram-se a Noruega e Suécia. Tem uma população próxima a 6 milhões de habitantes, sendo quase 800 mil em Copenhague, capital e cidade mais populosa desse país.

Os primeiros relatos de ocupação do atual território da Dinamarca datam de mais de 14 mil anos, com a agricultura presente há quase 6 mil anos. Não houve organização ou desenvolvimento expressivos até a Era Viking, entre os séculos VIII e X, quando o Reino da Dinamarca foi consolidado. Entre os séculos XIV e XVI, os três países da Escandinávia formaram uma união que, embora pregasse a justiça entre as partes, considerava a Dinamarca acima das demais, o que resultou em inúmeros atritos com a Suécia até a cisão completa do pacto em 1536. No entanto, nos 300 anos que sucederam, a região enfrentou diversos confrontos, sobretudo com a Suécia, resultando nas fronteiras como conhecemos atualmente.

A formação de uma Monarquia Constitucional em 1849 mudou a política externa dinamarquesa, adotando uma postura de neutralidade com seus vizinhos, garantindo assim um processo de industrialização e desenvolvimento do país, que se estendeu por todo o século XX. Nos dias atuais, é um dos países de mais alto Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) do mundo, com excepcionais sistemas de saúde e educação mantidos por altos impostos, que não impediram uma igualdade social aliada à alta renda per capita.

Mapa - Dinamarca
Fonte: WorldMapFinder

A Dinamarca faz parte da União Europeia (UE) desde 1973, mas ainda não adotou o euro como moeda, permanecendo a coroa dinamarquesa. Assim como nos demais países do bloco, não existe necessidade de visto para permanência menor do que 90 dias, nem vacinação obrigatória para brasileiros. Na gastronomia, destaca-se o smørrebrød, um sanduíche aberto de pão preto com os mais variados recheios, sobretudo à base de carne ou peixe. Além disso, são famosas as frikadeller (almôndegas) e pratos de frutos do mar e carne de porco. A cerveja e o Akvavit são as bebidas alcoólicas preferidas da população.

idioma oficial é o dinamarquês, mas na região da Groenlândia fala-se o groenlandês e nas Ilhas Faroe o faroese. No entanto, não se desespere, todos falam fluentemente inglês! O fuso horário é de mais 4 horas em relação à Brasília, variando conforme o horário de verão. O clima é temperado com estações bem demarcadas, inverno frio (média 1,5ºC) e dias muito curtos, enquanto o verão apresenta temperatura amena (média em torno de 16ºC) em longos dias.

Pela proximidade com a Suécia e Noruega, geralmente o roteiro inclui cidades dos demais países, mas pode estar presente em um roteiro pela Alemanha. Dessa forma, o deslocamento pode ser realizado de carro, trem ou avião, não existindo voos diretos a partir do Brasil.

Estivemos na Dinamarca em maio de 2017 em uma viagem muito especial pela Escandinávia, da Dinamarca até a Noruega!

Gostou do roteiro e das dicas? Faça suas reservas pelas caixas de pesquisa na lateral, nos links ao longo do post ou clique para reservas de hospedagem no Booking. Você não paga nada a mais por isso e nos ajuda a manter o site. Obrigado!

Thiago Carvalho

Carioca, casado, 33 anos, médico, amante da natureza e apaixonado por viagem, de Itaipava no fim de semana ao Bungee Jumping na Nova Zelândia. Volta de uma viagem com o roteiro pronto para a próxima.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Alerta: Conteúdo Protegido!