Kylemore, Galway e Cliffs of Moher: Um passeio por parques, abadias, construções de pedra e penhascos

Conforme explicado no post sobre o Interior da Irlanda, depois de um dia maravilhoso pela Costal Causeway na Irlanda do Norte, dormimos em Sligo, uma pequena cidade de 20 mil habitantes no oeste da ilha, na metade da distância entre Londonderry, na Irlanda do Norte, e a Kylemore Abbey, nossa primeira parada no dia seguinte.

Como chegar em Sligo? A partir de Dublin, são pouco mais de 200km pela M3 ou M4, mas a cidade não justifica o desvio se o ponto de partida for a capital irlandesa. Nesse caso, vá direto para a Kylemore Abbey via Galway (M4/M6). No entanto, no nosso caso, achamos uma ótima escolha vindo de Londonderry (140km pela N13/N15).

Onde se hospedar em Sligo e quais as atrações? A cidade oferece algumas opções de hotéis (ficamos no simples mas confortável Great Southern Hotel; veja todos aqui) e restaurantes, uma bela abadia do século XIII e, no seu entorno, está a bela cadeia de montanhas Benbulben e o Carrowmore Megalithic Cemetery, um cemitério do período Megalítico com covas de mais de 5 mil anos. Infelizmente, estava fechado no período em que visitamos.

Por volta das 19h, chegamos famintos, mas a tempo de uma deliciosa e suculenta refeição autêntica irlandesa no Coach Lane: de entrada batatas picantes com linguiça (Patatas Bravas), seguidas por um cozido irlandês (Irish Stew) e um Sirloin com anéis de cebola e batatas, acompanhados, é claro, da deliciosa cerveja irlandesa Guiness.

Restaurante - Sligo - IrlandaEntrada

Restaurante - Sligo - IrlandaCarne e Cozido

No dia seguinte, acordamos cedo e visitamos a Sligo Abbey, uma bela abadia do século XIII, restaurada em meados do século XIX.

Abadia - Sligo - Irlanda

Continuamos pela N17/N5/N59, passando pela Connemara National Park. Esse imenso parque é um dos inúmeros presentes na Irlanda, cortado por estradas regionais. Os lagos, planícies de verde esmeralda e montanhas geladas criam uma paisagem esplêndida.

Connemara National Park - Irlanda

Connemara National Park - Irlanda

Connemara National Park - Irlanda

Mais alguns quilômetros e chegamos na Kylemore Abbey. Essa abadia foi originalmente um castelo construído em 1871 para a família de Mitchell Henry, um rico médico inglês. No entanto, desde 1920 é administrada pelas freiras da Ordem Beneditina que fugiram para a Irlanda após a destruição de sua abadia na Bélgica durante a 1ª Guerra Mundial. O ponto alto são os belos jardins e a visita aos quartos restaurados, uma verdadeira visita ao passado!

Kylemore Abbey - Irlanda

Nossa visita, infelizmente, foi rápida, pois paramos inúmeras vezes na estrada para apreciar as paisagens. Seguimos para Galway pela N59, via Clifden, um trajeto 2okm mais longo que o mais otimizado (90 x 70km), mas com paisagens belíssimas e passando por cidades minúsculas da Irlanda.

Estrada - Irlanda

Interior - Irlanda

Estacionamos próximo à Eyre Square para percorrer os principais pontos turísticos de Galway, uma das mais importantes cidades do oeste da Irlanda, com aproximadamente 80 mil habitantes. Essa enorme praça, também chamada de John F. Kennedy Memorial Park, era a porta de entrada na Idade Média.

Eyre Square - Galway - Irlanda

Como chegar em Galway vindo de Dublin? O deslocamento pode ser feito de trem, ônibus ou carro (200km via M4/M6).

Onde se hospedar em Galway? Como explicamos no post sobre o interior da Irlanda, por questões logísticas não ficamos hospedados (e nos arrependemos!), mas o ideal é ficar no centro histórico, onde estão as principais atrações e hotéis (veja todos aqui). Sugerimos o Jury’s Inn, o The House Hotel, o Harbour Hotel e o Park House Hotel.

O roteiro pelo centro histórico de Galway é bem curto, compreendendo menos de 3km a pé. Da Eyre Square, siga pela Williamsgate St e vire à direita na Abbeygate St. Cruze a ponte para uma visita à belíssima Galway Cathedral, construída em meados do século XX.

Cathedral - Galway - Irlanda

Retorne pelo mesmo caminho e vire à direita na Shop St. Poucos metros à frente está a St. Nicholas Collegiate Church. Essa paróquia, de 1320, é uma das igrejas medievais mais antigas da Irlanda, tendo recebido Cristóvão Colombo em 1477.

St Nicholas Collegiate Church - Galway - Irlanda

Logo após a igreja, a rua de pedestres passa a chamar-se High Street, uma das mais famosas de Galway, com restaurantes, cafés e lojas super charmosos. Um dos destaques é o King’s Head Pub, um pub de 800 anos!

Kings Head Pub - Galway - IrlandaKing’s Head Pub

High Street - Galway - IrlandaHigh Street

 No final da High St está um pequeno largo, que abriga o Spanish Arch, parte remanescente da muralha que protegia a cidade de Galway, construída em 1594.

Spanish Arch - Galway - Irlanda

Galway deixou “um gostinho de quero mais” e, portanto, recomendamos passar a noite na cidade! No entanto, ainda tínhamos mais um ponto para visitar e, por isso, fizemos um rápido lanche e seguimos viagem pela N18/N67 em direção aos Cliffs of Moher, uma das atrações turísticas mais visitadas na Irlanda. Se tiver tempo sobrando, existem duas atrações no caminho: Ailwee Caves (um tour de 30 minutos por belas cavernas) e Caherconnell Stone Fort (fortificação medieval circular muito bem preservada).

Estrada - IrlandaEstrada

Menos de duas horas após a saída de Galway, chegamos aos Cliffs of Moher. Esses penhascos de mais de 200 metros de altura em relação ao Oceano Atlântico e 8km de extensão são parada obrigatória para quem vai à Irlanda. A visita dura entre 1 e 2 horas e cabe atenção à possibilidade de intenso vento frio e grande número de turistas nos feriados, fins de semana e férias.

Cliffs Of Moher - IrlandaEntrada

Cliffs Of Moher - IrlandaCliffs e Oceano Atlântico

Cliffs Of Moher - IrlandaCliffs e Oceano Atlântico

Cliffs Of Moher - IrlandaCliffs e Oceano Atlântico

Cliffs Of Moher - IrlandaAndando pelos Cliffs até a O’Brien’s Tower

Cliffs Of Moher - IrlandaO’Brien’s Tower, construída em 1835

Chegamos por volta de 20h em Killarney, completando 500km nesse primeiro dia pelo interior da Irlanda em meio a paisagens incríveis! Veja mais sobre Killarney e nosso segundo dia aqui.

Gostou do roteiro e das dicas? Faça suas reservas pelas caixas de pesquisa na lateral, nos links ao longo do post ou clique para reservas de hospedagem no Booking ou aluguel de carros no RentalCars. Você não paga nada a mais por isso e nos ajuda a manter o site. Obrigado!


Precisa de orientação para montar um roteiro inesquecível pela Irlanda? Quer ajuda em reservas de hotéis, aluguel de carros, passagens de avião, ônibus ou trem? Quer montar um roteiro 100% personalizado e tornar sua viagem inesquecível? Visite nossa página de Roteiros Personalizados ou deixe sua mensagem abaixo.

Gostou do post? Compartilhe!

Silvia Carvalho

Carioca, casada, 29 anos, médica, sempre com uma máquina fotográfica na bolsa, apaixonada por viajar e degustar as comidas típicas locais.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Reprodução ou cópia não autorizada!