Cardiff: uma catedral e um castelo que fazem o passeio valer a pena!

Conforme explicado no post sobre o País de Gales, após conhecermos os castelos pelo interior do país (veja aqui), seguimos para Cardiff, sua capital e maior cidade, com mais de 350 mil habitantes.

A história de Cardiff começa com as ocupações isoladas iniciadas há mais de 6 mil anos até o estabelecimento de uma grande fortificação romana, que permaneceu abandonada por quase mil anos, quando, com a invasão normanda, a fortificação foi remodelada e ampliada no século XI, transformando-se em um verdadeiro castelo, que serviu de epicentro para o desenvolvimento do povoado no entorno. Com o passar dos séculos, desenvolveu-se até atingir a marca de maior exportador de carvão da Europa. No entanto, o status de cidade aconteceu somente em 1905, tornando-se capital do País de Gales apenas 50 anos depois.

Qual a melhor época para visitar Cardiff?
O inverno tem temperatura média entre 2ºC e 8ºC e o verão fica entre 13ºC e 22ºC; já as chuvas, embora menos frequentes do que no restante do país, não são incomuns, com maior incidência entre outubro e janeiro. Por isso, considere ir entre maio e agosto, quando as temperaturas são mais amenas, a chance de chuva é menor e os dias mais longos. Fomos em março de 2015, quando ainda estava um pouco frio e o céu parcialmente nublado!

Quanto tempo para visitar Cardiff?
Os principais pontos turísticos podem ser conhecidos em um dia, permitindo um bate e volta a partir de outra cidade do sul da Grã-Bretanha, ou conhecê-la de passagem, em uma viagem entre a Inglaterra e o País de Gales, por exemplo. Essa foi nossa opção: antes de chegar à Bath, no sul da Inglaterra, passamos por Cardiff após visitar os castelos no interior do País de Gales.

Como visitar Cardiff?
Existem quatro opções:

  • Avião: uma alternativa pouco usada, uma vez que não existem voos diretos do Brasil e, geralmente, a cidade faz parte de um roteiro maior pela Grã-Bretanha, dificilmente sendo a primeira ou última paradas.
  • Carro (alugue aqui): opção interessante para aqueles que estão viajando pelo interior da Grã-Bretanha. A única dificuldade é a mão inglesa, sobretudo no início, mas nada que impossibilite. Alugamos o carro no aeroporto de Edimburgo e devolvemos em Londres.
  • Excursão: existem excursões de bate e volta a partir de Londres.
  • Trem: excelente alternativa se for fazer um bate e volta (ou pernoite) a partir de Londres (2h de viagem) ou estiver programando uma viagem pelo sul da Grã-Bretanha.

Onde se hospedar em Cardiff?
Existem algumas opções de hotéis na cidade (veja todos aqui). Recomendamos a localização próxima ao castelo que, além de ser a principal atração turística, está localizado bem próximo a ruas de compras e gastronomia da cidade. Sugerimos o Hilton, o The Angel Hotel e o Holiday Inn em frente ao castelo e o Radisson Blu, o Sleeperz e o Clayton Hotel em frente à estação Central.

O Roteiro
Comece o dia pelo principal ponto turístico, o Castelo de Cardiff (site oficial). Idealizado a partir das fortificações romanas construídas no ano 50, o castelo soma quase 2 mil anos de história, tendo passado por significativas alterações, sendo a última no século XIX, pela família Bute, uma das mais ricas do mundo pela exploração de carvão. Desde 1947 o castelo é mantido pelo Governo, após ter sido doado pelos Bute. Reserve pelo menos 2 horas para a visitação.

A visita tem início pela contemplação da muralha no exterior do castelo, com destaque para remanescentes da muralha romana original, construída há 900 anos.

Castelo - Cardiff - Pais de GalesMuralha do castelo vista da Queen St

Castelo - Cardiff - Pais de GalesEntrada do castelo e remanescentes da fortificação romana à direita

Ao entrar, caminhe pelo pátio interno, observando a Torre Normanda (uma fortificação que abrigava outras construções), o luxuoso Palácio e a Torre do Relógio.

Castelo - Cardiff - Pais de GalesTorre Normanda
Castelo - Cardiff - Pais de GalesPalácio

Castelo - Cardiff - Pais de GalesTorre do Relógio

Suba os 50 degraus para conhecer o interior da torre e observar o castelo de cima. Vale o esforço!

Castelo - Cardiff - Pais de Gales

Castelo - Cardiff - Pais de Gales

Por último, faça o tour pelo palácio. Os aposentos, com destaque para a biblioteca, são lindos, bem conservados e muito luxuosos.

Castelo - Cardiff - Pais de GalesAposentos

Castelo - Cardiff - Pais de GalesTrabalho no teto

Castelo - Cardiff - Pais de GalesBiblioteca

Terminada a visita, caminhe pelo verde Bute Park no entorno do castelo ou pela High St e Queen St, ruas transversais ao castelo. Existem ótimas opções de restaurantes, pubs e lojas, inclusive de souvenirs. O destaque vai para o Cardiff Market, um mercado coberto inaugurado em 1891, que vende de verduras fresquinhas a camisas. Uma das entradas é pela St Mary St, continuação da High St.

Queen Street - Cardiff - Pais de GalesQueen St

High Street - Cardiff - Pais de GalesHigh St

Se ainda tiver tempo, sugerimos visitar o National Museum, que reúne obras de arte e história natural galesas. Está situado no chamado Civic Centre, onde distribuem-se diversos prédios administrativos da cidade, como o City Hall (Prefeitura), além da Universidade de Cardiff. A maneira mais agradável para chegar ao Civic Centre é pelo Bute Park. A alternativa é contornar o castelo pelo outro lado.

Civic Center - Cardiff - Pais de Gales

Civic Center - Cardiff - Pais de Gales

Um ponto turístico bem interessante fora do centro de Cardiff é a Llandaff Cathedral. Se estiver de carro, são apenas 10 minutos do castelo – passe na chegada ou saída da cidade. Caso contrário, é possível ir de táxi ou ônibus. Fundada em 1120, a igreja passou por inúmeras restaurações em decorrência de eventos climáticos e guerras ao longo de quase mil anos de existência.

Lllandaf Cathedral - Cardiff - Pais de Gales

Lllandaf Cathedral - Cardiff - Pais de Gales

Antes de ingressar, faça uma pequena pausa no War Memorial, local onde estão as ruínas da torre do sino, construída no século XIII.

Lllandaf Cathedral - Cardiff - Pais de Gales

Um dos destaques vai para a escultura Christ in Glory, erguida após o bombardeio que destruiu parte da catedral em 1942. Com um estilo moderno, os habitantes da cidade declaram que a figura do Cristo abençoa não apenas os fiéis da igreja, que estão aos seus pés, mas o mundo inteiro ao estar na altura exata da janela oeste da catedral.

Lllandaf Cathedral - Cardiff - Pais de GalesUma das faces de “Christ in Glory”

Lllandaf Cathedral - Cardiff - Pais de GalesCapela e vitrais

Lllandaf Cathedral - Cardiff - Pais de GalesTeto trabalhado

Para um belo pôr do sol, não deixe de passear pela revitalizada Cardiff Bay, com destaque para o Pierhead Building, uma construção vermelha de 1897, onde funcionava a sede da principal companhia portuária da cidade – Bute Dock Company. Existem inúmeras opções de restaurantes na região. À noite, não deixe de conferir a programação do Wales Millenium Centre, com espetáculos, musicais e apresentações de dança e música.

Infelizmente já tínhamos reservado a noite para Bath (veja aqui) e, com o anoitecer, seguimos viagem.

Gostou do roteiro e das dicas? Faça suas reservas pelas caixas de pesquisa na lateral, nos links ao longo do post ou clique para reservas de hospedagem no Booking ou aluguel de carros no RentalCars. Você não paga nada a mais por isso e nos ajuda a manter o site. Obrigado!


Precisa de orientação para montar um roteiro inesquecível pelo País de Gales (ou Reino Unido)? Quer ajuda em reservas de hotéis, aluguel de carros, passagens de avião, ônibus ou trem? Quer montar um roteiro 100% personalizado e tornar sua viagem inesquecível? Visite nossa página de Roteiros Personalizados ou deixe sua mensagem abaixo.

Gostou do post? Compartilhe!

Silvia Carvalho

Carioca, casada, 29 anos, médica, sempre com uma máquina fotográfica na bolsa, apaixonada por viajar e degustar as comidas típicas locais.

Você pode gostar...

16 Resultados

  1. Gente! Que máximo!
    Nunca tinha ouvido falar de Cardiff, acredita? E adorei esse ar medieval!
    Já coloquei na lista, com certeza!
    Beijos!!!

  2. Zelinda disse:

    Mais um post incrível! Eu pago um super pau pra Europa. Olha a riqueza nesse lugar… Lindo! SEMPRE vale o esforço para subir as Duomos e os Castelos da Europa 😉
    Parabéns pelo post. Mas um excelente!

  3. tikdeviagem disse:

    Amei essa dica, a Europa é cheia de bate e voltas maravilhosos, que muitas vezes, fazem a viagem. Adorei!

  4. Show!!! Em uma foto teve um relógio que me lembrou praga!!
    Top este relato, espero um dia colocar este roteiro na minha lista…
    Valeu

  5. viajei_compartilhei disse:

    Muito bom relato, eu não conhecia Cardiff (e olha q ela é grande né!?), que lugarzinho bonito! A Catedral incrível por fora e por dentro. Queen St e High St. mto lindas. Show de fotos. abraços

  6. Dhebora disse:

    De uns tempos pra cá tenho visto muita coisa de Cardiff e lendo agora o seu post pareceser mesmo um lugar incrível! Ótimo post!

  7. Gente que lugar incrível, parece cenas de filme. Esse clima medieval é demais né?.. adorei conhecer, não tinha conhecimento desse lugar. Obrigada por compartilhar conosco. Abs

  8. Tô amando conhecer ligares que eu nunca tinha ouvido falar! Adorei Cradiff. Fiquei apaixonada pelo interior do castelo <3

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Reprodução ou cópia não autorizada!