Mônaco, o país eternizado pela Fórmula 1 e por Grace Kelly

Conforme explicado no post sobre a França, o Principado de Mônaco foi um dos destinos que visitamos durante a viagem pela Côte d’Azur, a Riviera Francesa. Vale ressaltar que Mônaco é um minúsculo país de aproximadamente 40 mil habitantes, cuja principal região é Monte Carlo, e que faz fronteira com a França, é banhado pelo Mar Mediterrâneo. O euro é a moeda adotada e o francês o idioma oficial. No entanto, assim como no país vizinho, não é difícil se comunicar em inglês após uma breve introdução com poucos termos básicos em francês.

Essa pequena extensão territorial, menor do que muitas cidades francesas, está sob domínio político da família Grimaldi desde 1297, quando o território ainda encontrava-se sobre influência do estado italiano de Gênova. Desde então, pequenos conflitos regionais ocorreram, mas os tratados estabelecidos, sobretudo com a França, garantiram a independência da região, cuja segurança é de responsabilidade francesa e o sistema político a monarquia constitucional desde 1911. Um dos marcos no último século foi o casamento do príncipe com a atriz americana Grace Kelly, história parcialmente retratada nas telas do cinema por Nicole Kidman, em um período de grande atrito durante o governo francês de Charles de Gaulle.

Considerado um paraíso fiscal, é residência de muitos milionários há décadas, vivendo, em parte, da renda do Cassino de Monte Carlo e de grandes eventos, como o Grande Prêmio de Fórmula 1, um dos mais famosos e aguardados pelos amantes do esporte.

Qual a melhor época para visitar Mônaco?
É um país com clima Mediterrâneo, com dias longos, secos e quentes no verão (máxima em torno de 28ºC) e frios no inverno (mínima próxima a 7ºC). Portanto, é possível visitar a cidade durante o ano todo, mas é mais alegre e movimentada no período de junho a setembro, além do menor risco de chuva, maior entre outubro e dezembro. Estivemos em setembro de 2011 e desfrutamos de um lindo dia!

Quanto tempo ficar em Mônaco?
Um dia é suficiente para visitar o palácio e passear pela cidade, geralmente em um bate e volta a partir de Nice, localizada a apenas 20 km.

Como chegar em Mônaco?
A principal e mais simples maneira de chegar à cidade é de carro ou trem, conforme já destacado, em um bate e volta a partir de Nice, exatamente o que fizemos.

Onde se hospedar em Mônaco?
Não dormimos em Mônaco e o mais frequente é se hospedar em Nice, mas a cidade possui alguns hotéis (veja todos aqui). Sugerimos os cinco estrelas Hôtel de ParisHotel MetropoleHôtel Hermitage, os quatro estrelas Fairmont e Port Palace, e o três estrelas Novotel.

O Roteiro
Além de um passeio pelas ruas da cidade, duas paradas são obrigatórias em Mônaco. A primeira é o entorno da Place du Casino (ou Praça do Cassino), onde estão os hotéis mais caros e luxuosos da cidade, alguns restaurantes e cafés (ótima sugestão!), a Ópera de Monte Carlo e, é claro, o Cassino de Monte Carlo, inaugurado em 1863 com traços marcantes da Belle Époque francesa.

Cassino - MonacoCassino de Monte Carlo com luxuosos carros no entorno

Logo atrás, à esquerda, está uma das curvas mais fechadas do circuito de Fórmula 1 e, a poucos metros, no nível do mar, a famosa reta do túnel. Quantas vezes torcemos por Senna nas manhãs de domingo?

Formula 1 - MonacoTrajeto do circuito de Fórmula 1

Formula 1 - MonacoEntrada do túnel, com as águas cristalinas do Mediterrâneo de pano de fundo

Litoral - MonacoMirante com vista para a cidade

A segunda parada obrigatória é o Palais des Princes de Monaco (ou Palácio dos Príncipes de Mônaco), um belo castelo de 1191 e residência da família Grimaldi, príncipes do país e no local há mais de 700 anos. Durante parte do ano é possível visitar determinados salões do palácio.

Castelo - MonacoSubida íngreme para o palácio

Castelo - MonacoPraça do Palácio

Castelo - MonacoEntrada do Palácio e Guarda Real

Antes de partir, não deixe de aproveitar a belíssima vista do Mirante do Palácio, um dos cartões-postais da cidade, de onde é possível observar os luxuosos barcos e as suntuosas residências do país.

Castelo - MonacoMirante do Palácio

Se sobrar tempo, aproveite para caminhar nos arredores da base do morro onde localiza-se o palácio e conhecer a Catedral de Mônaco, os Jardins de Saint Martin e o Museu Oceanográfico. Deslumbrados com o belo e pequeno país, voltamos para Nice no período da tarde!

Gostou do roteiro e das dicas? Faça suas reservas pelas caixas de pesquisa na lateral, nos links ao longo do post ou clique para reservas de hospedagem no Booking ou aluguel de carros no RentalCars. Você não paga nada a mais por isso e nos ajuda a manter o site. Obrigado!


Precisa de orientação para montar um roteiro inesquecível? Quer ajuda em reservas de hotéis, aluguel de carros, passagens de avião, ônibus ou trem? Quer montar um roteiro 100% personalizado e tornar sua viagem inesquecível? Visite nossa página de Roteiros Personalizados ou deixe sua mensagem abaixo.

Silvia Carvalho

Carioca, casada, 31 anos, médica, sempre com uma máquina fotográfica na bolsa, apaixonada por viajar e degustar as comidas típicas locais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Reprodução ou cópia não autorizada!